Delta é variante identificada em 90% de sequenciamentos no mundo; Opas faz alerta

A variante Delta da Covid-19 é a cepa identificada em quase 90% das amostras do vírus sequenciadas no mundo. A constatação foi apontada no novo relatório epidemiológico da Organização Pan-Americana de Saúde (Opas) divulgado neste domingo (8).

A mutação tem preocupado a Organização Mundial da Saúde. A Delta é considerada mais transmissível e tem feito com que países "zero Covid", retomem medidas contra o vírus.

A Opas fez uma recomendação para que os países revisem seus planos e se preparem para um eventual aumento de casos e de internações por Covid-19, incluindo necessidade de terapia intensiva com suporte, como hemodiálise. As informações são de reportagem da Folha de S. Paulo.

No Brasil, o estado com a situação mais grave em relação a variante Delta é o Rio de Janeiro. Na semana passada a Secretaria de Saúde do estado divulgou a informação de que a variante corresponde a 45% das amostras analisadas na capital e 26% das do estado. Em São Paulo, um boletim divulgado pelo Instituto Adolfo Lutz (IAL) apontou a delta em 23,5% das amostras sequenciadas no instituto.

Conforme a reportagem, a Opas orienta que os países intensifiquem a vigilância genômica e assegurem a publicação do sequenciamento genético na plataforma Gisaid, uma plataforma internacional de dados genômicos.