Jacobina organiza velório coletivo de vítimas de acidente na BR-324

A Prefeitura de Jacobina decretou luto de três dias após uma batida entre um ônibus de turismo e um caminhão na BR-324, na noite de domingo (7) por volta de 22h30, deixar ao menos 25 mortos. Cinco pessoas estão feridas. Um velório coletivo está sendo organizado.

"A Prefeitura de Jacobina expressa suas sinceras condolências aos familiares e amigos das vítimas neste momento de tristeza e dor sem precedente. Informamos também que estaremos decretando luto oficial de 03 dias no município", diz parte nota.

Ainda segundo a nota, a previsão é o velório acontecer na sede do Ginásio de Esportes municipal. Ao menos 21 pessoas entre os mortos são de Jacobina.

"As equipes que integram a gestão estão providenciando os encaminhamentos junto às Funerárias visando agilizar a liberação e a transferência dos corpos para Jacobina", afirma o comunicado.

Acidente

O acidente aconteceu na BR-324, no KM 381 em trecho da cidade do São José do Jacuípe, no norte da Bahia, a cerca de 290 km de Salvador, envolvendo um ônibus de turismo e um caminhão carregado com mangas.

De acordo com apuração da TV Bahia, entre os mortos estão 22 passageiros do micro-ônibus e três pessoas que estavam no caminhão. Vinte e quatro delas morreram no local e uma após ser levada para um hospital da região. Entre as vítimas estão homens, mulheres, gestante, crianças e adolescentes.

Segundo a Secretaria da Saúde (Sesab), quatro feridos foram encaminhados para unidades da rede pública:

  • 1 pessoa foi encaminhada para o Hospital Estadual da Criança, em Feira de Santa;
  • 1 para o Hospital Geral Clériston Andrade, também em Feira de Santana;
  • 1
  • 1 para o Hospital Geral do Estado (HGE), em Salvador
  • 1 para o Hospital do Subúrbio, em Salvador

Não há informações sobre o quinto ferido ou o estado de saúde dos feridos. Além disso, ainda não há confirmação sobre o que causou a batida. O caminhão transportava mangas.

A Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Energia, Transportes e Comunicações da Bahia (Agerba), informou em nota que o micro-ônibus envolvido no acidente estava "devidamente vistoriado".

Ainda segundo órgão, o motorista responsável pelo veículo também estava com o cadastro em dia com a agência.

A pista foi liberada por volta por volta de 8h, segundo informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), após remoção dos corpos e limpeza do local. Com o impacto, a carga de manga ficou espalhada por toda a pista.

Policiais da 16ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpim/Jacobina) estiveram no local no acidente na manhã desta segunda-feira (8), assim como o Departamento de Polícia Técnica de Jacobina.

Acompanhantes de Gyn